RCA FM | SPORT MOTOR
Prefeitura cancela multas de área azul em São Carlos
29/06/2018 15:24 em NOTÍCIAS DE SÃO CARLOS

Prefeitura cancela multas de área azul em São Carlos - Crédito: Arquivo/SCA

 

Após muitas reclamações de usuários e uma representação protocolada no Ministério Público na manhã de quarta-feira, 27, a Prefeitura Municipal de São Carlos cancelou multas aplicadas no sistema rotativo de trânsito (área azul) desde o dia 9 de maio. As penalidades aplicadas neste período não possuem validade.

O anúncio foi feito pelo secretário de Trânsito e Transporte Coca Ferraz durante entrevista coletiva. A Prefeitura Municipal iniciará ainda outra campanha de reeducação de trânsito por um prazo de 30 dias para explicar a operação do sistema.

Segundo o secretário, a decisão tomada é puramente técnica e que as infrações de trânsito aplicadas foram canceladas devido a quantidade elevada de equívocos cometidos por motoristas.

"Os usuários estavam tendo dificuldades em usar sistema porque nossa campanha não foi eficaz. Não é justo gerar multas se eles não sabem ou não entenderam. As multas na área azul estão canceladas nesse momento", disse Coca.

O secretário de Trânsito informou ainda que os motoristas estão tendo dificuldades em digitar a placa nos parquímetros no sistema digital da Estapar. “Quem recebeu um auto de infração nesse período de 9 de maio a até hoje não precisa recorrer”, garantiu Coca. Durante esses 30 dias a pasta irá fiscalizar, mas não vai lavrar autos de infração, informou.

REGRAS DO SISTEMA

O diretor da Estapar, Adelson Antonini, responsável pela área azul em São Carlos, disse que a empresa, em parceria com a Secretaria de Comunicação da Prefeitura Municipal irá encabeçar uma campanha que será veiculada nos meios de comunicação com o intuito de mostrar aos motoristas as regras do sistema.

Antonini informou que a cobrança da tarifa é feita, mas o motorista tem até dez minutos para efetuar o pagamento. A partir daí estaria sujeito a multa. “Talvez o usuário não tenham respeitado esta regra ou não entenderam como ela funciona”, resumiu Antonini.

 FONTE: SÃO CARLOS AGORAS

COMENTÁRIOS
Comentário enviado com sucesso!